SINDSEF - Sindicato dos Servidores Federais do Estado de Rondônia Reflexos da Reforma Administrativa na sociedade foi tema de plenárias do Sindsef – SINDSEF – Sindicato dos Servidores Públicos Federais no Estado de Rondônia
sábado , novembro 28 2020
Home / Notícias / Destaque / Reflexos da Reforma Administrativa na sociedade foi tema de plenárias do Sindsef

Reflexos da Reforma Administrativa na sociedade foi tema de plenárias do Sindsef

Os desdobramentos da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) da Reforma Administrativa – PEC 32/2020 e as consequências para a sociedade já penalizada por desigualdades sociais e econômicas, foram pautas das duas plenárias virtuais realizadas na última semana, pelo Sindicato dos Servidores Públicos Federais no Estado de Rondônia – Sindsef/RO e que teve como palestrante o mestre em ciências econômicas, Max Leno, supervisor técnico do DIEESE (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos).

A primeira plenária realizada no dia 15/09 teve como objetivo proporcionar uma tarde de estudos sobre o tema aos integrantes do Sistema Diretivo e filiados do Sindsef/RO. No dia 17/09, a plenária foi direcionada a dirigentes sindicais de entidades municipais, estaduais e federais de Rondônia e teve como desdobramento, a criação de um fórum estadual para encaminhar e organizar debates e atos futuros sobre o tema no estado.

Participaram da plenária representantes das entidades sindicais: SINDSEF, ASPOMETRON, ASSINCRA, CENTRAL DOS SINDICATOS BRASILEIROS, CONDSEF, CTB, SINDPRFRO, SINDICATOS DOS TRABALHADORES RURAIS DE NOVA BRASILÂNDIA E DE CACOAL, SINDEPROF, SINDERON, SINDETRAN, SINDICATO DOS ENGENHEIROS, SINDSAÚDE, SINDSEM, SINDUR, SINJUR, SINJUSTRA, SINPROF VILHENA E PORTO VELHO, SINSEMAT, SINSEMPRO SINTERO POLOS PORTO VELHO, OURO PRETO, PIMENTA BUENO E COLORADO, SINTRACER, SINTRAER E SITMAR.

Na palestra, o economista Max Leno Max discorreu suas explicações baseado em estudo políticos e sociais desenvolvidos pelo DIESSE. Ele observou que diante do quadro de desigualdades sociais no Brasil, o setor público exerce um papel importante, atendendo a população em diversas demandas, à exemplo da saúde, educação e segurança. Também alertou para uma série de alterações por trás da proposta da reforma administrativa, inclusive do risco de mercadorização ou mercantilização do serviços sociais, que coloca em cheque a forma com esses direitos sociais chegarão as famílias brasileiras.

ASSISTA COMO FOI A PALESTRA DO ECONOMISTA MAX LENO

Max Leno agradeceu o convite feito pelo Sindsef/RO e reforçou a necessidade do tema chegar até a sociedade. “É preciso levar a informação de que o desdobramento dessa reforma não será apenas de caráter corporativo, pois afetará toda a sociedade que depende dos serviços públicos essenciais”, afirmou.

A principal missão do Sindsef/RO é de zelar e garantir os direitos de seus filiados por meio de medidas administrativas e judiciais e de mobilização política. No entanto, sua Diretoria Executiva acredita que pode contribuir com a sociedade levando informações e articulando a realização de debates de interesse de diversas categorias.

Para a realização das plenárias, o Sindsef/RO instalou uma comissão que teve como integrantes, o presidente do Sindsef/RO, Ildo Mussoi, o vice-presidente Mário Jorge Sousa de Oliveira, os diretores Francisco Torres (presidente da Comissão), Abson Praxedes, Eliete Azevedo, Eva Bezerra, Flávia Hiromi Takahashi, Joana Darc dos Santos, Wilton Marques e Anilce Pinheiro. A Comissão também teve a colaboração dos representantes da Direção Nacional da Condsef/Fenadsef, Herclus Coelho (titular da Secretaria de Aposentados e Pensionistas) e Paulo Vieira (titular da Secretaria da Saúde do Trabalhador).