SINDSEF - Sindicato dos Servidores Federais do Estado de Rondônia Sindsef garante afastamento de servidoras do grupo de risco que tiveram pedido negado por direção de hospital – SINDSEF – Sindicato dos Servidores Públicos Federais no Estado de Rondônia
quarta-feira , julho 29 2020
Home / Notícias / Destaque / Sindsef garante afastamento de servidoras do grupo de risco que tiveram pedido negado por direção de hospital

Sindsef garante afastamento de servidoras do grupo de risco que tiveram pedido negado por direção de hospital


O Sindicato dos Servidores Públicos Federais no Estado de Rondônia – Sindsef/RO precisou intervir junto a direção de um hospital em Porto Velho para garantir o direito de afastamento de duas servidores federais, com idades de 69 e 70 anos de idade, que apesar de pertencerem ao quadro de risco do Coronas Vírus – Covid 19, haviam tido o pedido negado e sendo mantidas na escala de trabalho.

Após ter sido acionado pelas servidoras, de imediato, o Sindsef/RO intermediou o pedido de afastamento, conforme garantido na Instrução Normativa nº 19, de 12 de março de 2020, do Governo Federal, que durante a pandemia, regulamenta a utilização de trabalho remoto (teletrabalho) e de afastamento, especialmente para os servidores pertencentes ao “grupo de risco”, no caso delas, com assegurado no item “idade acima de 60 anos”.

De acordo com a instrução normativa, pertencem ao “grupo de risco” os seguintes casos:

  • Servidores com 60 anos ou mais, com doenças crônicas ou imunodeficiência, gestantes e lactantes;
  • Servidores de coabitação com pessoas que estejam com sintomas ou que tenham sido diagnosticadas com o COVID-19;
  • Servidores que tenham filhos em idade escolar;
  • Servidores que apresentem sintomas relacionados a contaminação viral;

O Sindsef orienta seus filiados pertencentes ao grupo de risco e que enfrentam situação semelhante que recorram ao sindicato, através dos telefones abaixo:

CONTATOS TELEFÔNICOS

SEDE ADMINISTRATIVA EM PORTO VELHO: (69) 3218-0400

COORDENAÇÕES REGIONAIS:

Município Fixo Celular
Alta Floresta 36412616 92583378
Alvorada 34122515 92584926
Ariquemes 35360042 ————
Cabixi 33452237 92568366
Cacoal 34412804 92568851
Cerejeiras 33422207 92568793
Colorado 33412932 92568845
Costa Marques 36512920 92568777
Espigão 34812045 92568900
Guajará-Mirim 35412834 92568915
Jaru 35216366 92091857
Ji- Paraná 34211007 92584961
Machadinho 35812399 92568768
Nova Brasilândia 34182397 92568860
Nova Mamoré 35442264 92568502
Ouro Preto 34612621 92251096
Pimenta Bueno 34513963 92568914
Presidente Médici 34712229 92568759
Rolim de Moura 34423245 92568916
Vilhena 33211683 92568879

 

AFASTAMENTO
Especificamente em relação aos casos de afastamento, o servidor deve utilizar-se de “autodeclaração”, situação em que é dispensado (neste momento) a apresentação de atestados ou quaisquer outros documentos do gênero, sem afastar a possibilidade de, posteriormente, a questão ser analisada pelos Gestores Responsáveis.

 

Confira abaixo os modelos de “autodeclaração”

AUTODECLARAÇÃO DE FILHO(S) EM IDADE ESCOLAR

Eu, __________________________________________, RG nº ___________________, CPF nº ___________________ declaro para fins específicos de atendimento ao disposto na Instrução Normativa nº 19, de 12 de março de 2020, que tenho filhos em idade escolar ou inferior e que necessitam da minha assistência, portanto, necessito ser submetido a trabalho remoto com data de início __________________, enquanto vigorar a norma local, conforme o ato normativo __________________, que suspendeu as atividades escolares ou em creche, por motivos de força maior relacionadas ao coronavírus. Declaro, mais, que estou ciente de que a prestação de informação falsa me sujeitará às sanções penais e administrativas previstas em Lei.
Informações adicionais
Dados cônjuge:
Nome Completo:
Servidor Público ou Empregado Público Federal: ( ) Sim ( ) Não
Dados dos filhos (deve ser preenchido para cada filho):
Nome Completo:
Idade:
Escola: ( ) Pública ( )Privada
UF da Escola:
Cidade da Escola:

 

AUTODECLARAÇÃO DE CUIDADO E COABITAÇÃO

Eu, __________________________________________, RG nº ___________________, CPF nº ___________________ declaro para fins específicos de atendimento ao disposto na Instrução Normativa nº 19, de 12 de março de 2020, que em razão de ter sob meu cuidado uma ou mais pessoas com suspeita ou confirmação de diagnóstico de infecção por COVID-19, bem como coabitar na mesma residência que esta pessoa, devo ser submetido a isolamento por meio trabalho remoto com data de início _______________, enquanto perdurar o estado de emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus. Declaro, mais, que estou ciente de que a prestação de informação falsa me sujeitará às sanções penais e administrativas previstas em Lei.

 

AUTODECLARAÇÃO DE SAÚDE (SINAIS OU SINTOMAS GRIPAIS)

Eu,______________________________________, RG nº ___________________, CPF nº ___________________ declaro para fins específicos de atendimento ao disposto na Instrução Normativa nº 19, de 12 de março de 2020, que devo ser submetido a isolamento em razão de apresentar sinais ou sintomas gripais, com data de início _______________, estritamente pelo tempo em que perdurarem os sintomas, estando o ciente de que devo procurar atendimento médico ou por telefone, consoante canal disponibilizado pelo Ministério da Saúde ou pelos demais entes federativos. Declaro, mais, que estou ciente de que a prestação de informação falsa me sujeitará às sanções penais e administrativas previstas em Lei.

 

AUTODECLARAÇÃO DE SAÚDE

Eu, __________________________________________, RG nº ___________________, CPF nº ___________________ declaro para fins específicos de atendimento ao disposto na Instrução Normativa nº 19, de 12 de março de 2020, que devo ser submetido a isolamento por meio trabalho remoto em razão de doença preexistente crônica ou grave ou de imunodeficiência, com data de início _______________, e enquanto perdurar o estado de emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus. Declaro, mais, que estou ciente de que a prestação de informação falsa me sujeitará às sanções penais e administrativas previstas em Lei.