segunda-feira , agosto 20 2018
Home / Notícias / Destaque / Sindsef vai entrar com ação para cobrar adicional de insalubridade aos servidores de unidades de saúde

Sindsef vai entrar com ação para cobrar adicional de insalubridade aos servidores de unidades de saúde

O Sindsef (Sindicato dos Servidores Públicos Federais no Estado de Rondônia) está disponibilizando aos seus filiados, inclusive transpostos, a realização de perícias para elaboração de Laudo do Ambiente de Trabalho nas unidades de saúde estaduais e municipais e também em unidades socioeducativas de internação, para identificar o grau de exposição e de riscos a quais esses servidores estão expostos.

Reunião na Policlínica Oswaldo Cruz
Reunião na Policlínica Oswaldo Cruz

Mediante a conclusão dos laudos, o Sindsef vai ingressar com ação judicial para cobrar da União o direito constitucional desses servidores ao recebimento dos valores de adicional de insalubridade, além do fornecimento de equipamentos próprios de proteção individual e a adoção de medidas que minimizem os riscos a saúde dos servidores que atuam nas unidades de saúde.

Na última semana, a diretoria executiva do Sindsef realizou visitas ao Hospital de Base Ary Pinheiro, Hospital Infantil Cosme & Damião, Policlínica Oswaldo Cruz, Cemetron, Pronto Socorro João Paulo II e Lacen, ambos em Porto Velho, para ouvir dos servidores federais relatos sobre as condições de trabalho nessas unidades.

Reunião Hospital de Base
Reunião Hospital de Base

De acordo com o presidente do Sindsef/RO, Abson Praxedes, para dar celeridade ao processo, o sindicato assinou contrato com empresa especializada que deve iniciar já nos próximos dias as inspeções para elaboração dos laudos nas unidades de saúde de Porto Velho e municípios. Segundo Praxedes, os servidores do Ministério da Saúde que estão à disposição dos municípios, atuando nas unidades de saúde, também terão seus laudos atualizados.

Reunião Pronto Socorro João Paulo II

Para ser contemplado na ação judicial, o Sindsef orienta aos servidores filiados que procurem a Sede Administrativa ou Coordenações Municipais do sindicato para atualização de informações pessoais, de local de trabalho e assinatura de procuração e contrato.

É necessário apresentar a documentação listada abaixo:

  • Documentos pessoais (RG e CPF);
  • Comprovante de endereço atualizado;
  • Ficha Financeira dos últimos cinco anos (no caso dos transpostos, desde a data do recebimento do primeiro contracheque);
  • Documento que conste a unidade a qual o servidor está lotado.

Reunião Policlínica Oswaldo Cruz

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *